Seja bem-vindo ao Kate Middleton Brasil, sua maior fonte em português sobre a Duquesa de Cambridge. Casada com o Príncipe William, 2º na linha de sucessão ao trono britânico, Kate é uma das mulheres mais acompanhadas e admiradas no mundo. Aqui você irá encontrar as últimas notícias, um acervo com +45.000 fotos, além de documentários e mais.
19 fev 2019

Esta semana marca a metade do semestre para muitas escolas inglesas, o que é celebrado com uma pequena folga da escola durante alguns dias. Assim como o restante das crianças, a Princesa Charlotte e o Príncipe George têm uma semana longe da escola para aproveitarem.

George está estudando em Thomas’s Battersea, enquanto Charlotte está em seu último ano no Willcocks Nursery. Este recesso é um tempo para os pequenos membros da realeza se divertirem com seus pais e passarem tempo com o irmão mais novo, o Príncipe Louis.

 

A propriedade de Anmer Hall

Para tornar o recesso ainda mais especial, acredita-se que Charlotte e George vão ficar no Anmer Hall ou talvez saírem em férias de esqui.

Anmer Hall é o retiro campestre dos Cambridges, em Norfolk, enquanto esqui é algo que a família desfruta em torno desta época do ano.

Kate e William saíram em suas primeiras férias de esqui nos Alpes franceses em março de 2016, quando Charlotte tinha apenas dez meses e George quase três anos.

O Palácio divulgou retratos da família de então quatro membros, com uma declaração que dizia: “O Duque e a Duquesa de Cambridge têm o prazer de compartilhar novas fotografias de sua família. As imagens mostram suas altezas reais curtindo umas curtas férias de esqui com seus filhos nos Alpes franceses. Esta foi a primeira vez que passaram as férias em família e a primeira vez as crianças brincaram na neve.”

Eles poderiam voltar aos Alpes para dar ao Príncipe Louis, que tem nove meses de idade, a chance de experimentar o destino de férias com neve pela primeira vez.

Para garantir que eles passem tempo com seus filhos, Kate e William têm esta semana livre de deveres reais.

Kate revelou recentemente durante uma visita a uma escola que sua atividade favorita é passar tempo com sua família, pois é algo que a deixa “muito feliz”. Ela levou uma foto de sua família e disse: “Esta é uma foto da minha família. Estes são meus filhos e este é meu marido. E minha família me faz feliz. Gostamos de brincar ao ar livre juntos e passar muito tempo em família. E isso me faz sentir muito feliz. Vocês gostam de passar tempo com suas famílias? O que vocês gostam de fazer?”

Kate também falou recentemente sobre como George e Charlotte gostam de ajudar a preparar o jantar, além de caçar aranhas no jardim e fazerem artes e artesanato.

Ela também contou sobre o lado criativo de George contando sobre quando ele encontrou carvão em uma lareira em casa e decidiu desenhar com ele.

Kate disse que George havia dito a ela: “Mamãe, eu vou fazer um desenho”, acrescentando: “Isso é o que é tão bom que você pode fazer isso em todos os lados.”

Em minha opinião, os Cambridges estão aproveitando essa semana de recesso em Anmer Hall, a casa de campo em que moraram por bastante tempo. Já ficou claro várias vezes que os Cambridges têm um grande amor pela propriedade e, sempre que podem, dão uma escapadinha para ir relaxar um pouco por lá.

Vocês conseguem imaginar como deve estar a casa dos Cambridge neste recesso?

 

Fonte: Express

Publicado por: Carolina Moreira
15 fev 2019

Não houve anúncio oficial do Palácio, mas na noite de quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019, Kate, a Duquesa de Cambridge, organizou um jantar muito maduro no Palácio de Buckingham. A lista de convidados incluiu uma série de especialistas que vem trabalhando com Kate em sua última campanha focada no bem-estar e saúde mental de crianças em idade escolar na Grã-Bretanha. A Duquesa conseguiu pessoalmente permissão da Rainha para usar a residência da monarca em Londres.

Por trás das cortinas, Kate passou o ano passado trabalhando de perto com especialistas e acadêmicos para investigar a correlação entre crianças vulneráveis que posteriormente passam problemas de saúde mental, dependência e questões antissociais na vida adulta. A Duquesa lançou a campanha em setembro de 2018 e desde então formou um grupo de especialistas em saúde, funcionários de caridade e acadêmicos. Eles estão trabalhando juntos para investigar se uma intervenção precoce já na infância poderia fazer a diferença na vida adulta da população que Kate tanto gosta. As conclusões do estudo serão reveladas ainda este ano.

Em aparições recentes, a Duquesa falou sobre sua crença apaixonada de que a intervenção precoce pode prevenir problemas mais tarde na vida. Na terça-feira (05.02.19), Kate visitou duas escolas primárias em Londres para marcar a Semana de Saúde Mental Infantil, como patrocinadora da instituição de caridade Place2Be, uma organização beneficente de saúde mental infantil do Reino Unido.

Enquanto o jantar de quarta-feira pode parecer menos importante, era igualmente relevante para Kate. “Foi um jantar para alguns dos especialistas grupo que a duquesa vem organizando, junto com algumas outras pessoas importantes que foram identificadas como tendo potencial para causar impacto no projeto”, disse um assessor real. “A noite foi um grande sucesso e um importante momento da campanha.”

Kate iniciou o projeto antes de engravidar do Príncipe Louis. De acordo com o assessor real, suas visitas a instituições de caridade e organizações de apoio como a Place2Be a ajudaram a perceber que muitos problemas de saúde mental decorrem de traumas na primeira infância. “A Duquesa viu quantos problemas na vida adulta podem surgir nos os primeiros anos de vida”, disse o assessor. “Ela vem trabalhando com um grupo de pessoas e examinando evidências científicas que mostram que qualquer trauma nos primeiros dois anos de vida pode ter um impacto sério e duradouro no futuro”.

No ano passado, ela participou de um simpósio de acadêmicos e instituições de caridade que defendem a intervenção precoce na vida das crianças. Agora, ela formou seu próprio comitê, que se reúne uma vez por mês e está nos estágios de elaboração de um plano de longo prazo. “Ela está realmente concretizando sua ideia, trabalhando com muitas pessoas para que isso aconteça”, disse o assessor. O assessor acrescentou que Kate compareceu a quase todas as reuniões mensais, realizadas na The Royal Foundation e no Palácio de Kensington.

Há entusiasmo sobre a ideia no Palácio, e Kate está muito comprometida com o trabalho. “As ideias estão realmente se desenvolvendo com a Duquesa no comando. As pessoas verão um aumento no engajamento da Duquesa, fazendo mais eventos mais específicos para a causa. Estamos no processo de juntar as coisas ”, disse o assessor. “Este não é um projeto no qual a Duquesa vai entrar e sair, é algo que a trabalhará nas próximas décadas. Esta é uma missão muito pessoal e Kate quer assumir. ”

 

Fonte: Vanity Fair

Publicado por: Amanda Gramazio
14 fev 2019

A Duquesa de Cambridge participou ontem a noite do jantar de gala do no 100 Women in Finance organizado no Victoria & Albert Museum em Londres.

A Duquesa estava presente em seu papel como patrona das iniciativas filantrópicas da 100 Women in Finance. O Príncipe William tornou-se patrono em 2009 e, em 2012, Kate e Harry se juntaram a ele. Eles participaram da gala anual em anos alternados desde então, com fundos indo para as causas escolhidas em rotação. Os rendimentos deste ano irão para Mentally Healthy Schools.
Lançado pela Duquesa no início de 2018, Mentally Healthy Schools é um dos programas herdados da campanha Heads Together, que visa ajudar pessoas de todas as idades a iniciar conversas sobre sua saúde mental. O projeto de referência, administrado pela Royal Foundation, ajuda professores e líderes escolares a apoiar melhor o bem-estar mental das crianças, oferecendo recursos práticos e confiáveis ​​aos funcionários da escola por meio de um site desenvolvido pelos parceiros de caridade da Heads Together; o Centro Nacional Anna Freud para Crianças e Famílias, Place2Be e Young Minds.
Um dos principais focos do site é incentivar uma abordagem de toda a escola. “Uma escola mentalmente saudável é aquela que adota uma abordagem de escola inteira para saúde mental e bem-estar. É uma escola que ajuda crianças a prosperar, aprender e ter sucesso proporcionando oportunidades para elas, e os adultos ao seu redor, para desenvolver as forças e lidar habilidades que sustentam a resiliência. Uma escola mentalmente saudável considera a saúde mental e o bem-estar como fundamentais para seus valores, missão e cultura. É uma escola onde a saúde mental e o bem-estar de crianças, funcionários e pais / cuidadores são vistos como “o negócio de todos“.
100 Women in Finance é o principal grupo de afinidade global para profissionais do setor de investimentos alternativos. Além de seus esforços filantrópicos, eles apóiam as mulheres no avanço de suas carreiras por meio da educação e alavancam os relacionamentos por meio do engajamento entre pares.

Ed Vainker, co-fundador e diretor da Reach Academy em Feltham, disse aos convidados sobre o impacto que as instituições de saúde mental estão tendo nas escolas. “O foco que a Duquesa teve nessa agenda e na saúde mental realmente ajudou escolas, pais e jovens a desestigmatizá-la e falar sobre isso”, disse ele.

“Ela visitou minha escola há um ano e passou três ou quatro horas na escola… ouvindo sobre os desafios que os jovens enfrentam. Ela obviamente está realmente interessada pessoalmente nisso, ela constrói relacionamentos muito facilmente e ela teve um grande impacto em pouco tempo quando veio nos ver. ”

Durante seu discurso, Kate reiterou suas palavras sobre a importância da intervenção precoce da conferência de hoje.

“Sua visão é imensamente inspiradora e testemunha do que a escola, professores, pais e comunidades podem alcançar quando todos trabalham juntos.” Ela acrescentou que muitas vezes lhe perguntaram por que decidiu concentrar seu trabalho nos primeiros anos e disse que muitos problemas adultos podem ser encontrados desde os primeiros anos de vida.

“Muitas vezes me perguntaram por que decidi concentrar meu trabalho nos primeiros anos. Tendo tido a sorte de conhecer algumas das instituições de caridade e organizações surpreendentes do nosso país, enfrentando alguns dos nossos maiores desafios sociais, fiquei ciente de quão importante os primeiros anos de nossas vidas realmente são. 

“A causa de algumas de nossas experiências mais desafiadoras na idade adulta, como saúde mental e física precárias, dependência, falta de moradia, crime e desestruturação familiar, pode ser atribuída com frequência aos primeiros anos da vida de uma pessoa e muitas vezes ao longo de gerações.

“Portanto, precisamos considerar a prevenção de algumas dessas questões antes que elas se consolidem e se tornem um problema. A evidência é clara de que, desde o nascimento, os primeiros anos da vida de uma criança são mais importantes para o desenvolvimento social, físico e emocional e para a saúde e felicidade futuras do que qualquer outro momento único na vida.

 
Kate agradeceu a caridade por seu apoio. “Ao longo da última década, você tem sido firme em seu apoio aos nossos patrocínios e seus esforços fizeram uma enorme diferença para muitas de nossas instituições de caridade. Então, eu só queria dizer obrigado por esta noite maravilhosa e por todo o seu apoio sobre nos anos, eu não posso te dizer que diferença faz.
A noite arrecadou mais de £ 500.000 para Mentally Healthy Schools.
Para a noite de gala Catherine usava um lindo vestido de tule em tons de rosa feito sob medida por Gucci, sapatos por Oscar de la Renta, brincos Kiki McDonough e bolsa Prada.

Veja fotos em HQ do evento:

Publicado por: Yasmin Souza
13 fev 2019

A Duquesa de Cambridge pediu mais apoio para professores e alunos durante a conferência The Mental Health in Education da The Royal Foundation em Londres hoje.

A conferência no Mercers Hall hoje reuniu delegados de todos os setores de saúde mental e educação para explorar e discutir os benefícios do trabalho colaborativo e o que mais pode ser feito para lidar com problemas de saúde mental nas escolas.

O evento, organizado pela apresentadora Kate Silverton, contou com um dia inteiro de palestrantes, painéis de discussão e sessões de discussão.

Apresentando a Duquesa hoje, Silverton disse: “Como todos vocês sabem, ela tem sido uma grande força motriz por trás de grande parte da The Royal Foundation que apóia crianças em seus primeiros anos. Sua Alteza Real, é uma honra absoluta tê-la conosco aqui hoje, obrigada por todo o trabalho que você está realizando neste campo.”

Após a apresentação de Kate Silverton, a Duquesa de Cambridge fez um discurso agradecendo aos que estavam lá ajudando a melhorar a saúde mental nas escolas. Leia o discurso dela abaixo:

É realmente emocionante ouvir todos aqui falando com sua vasta experiência sobre a importância da saúde mental e, particularmente, sobre o desenvolvimento emocional de nossos filhos e professores.

O que todos nós temos discutido aqui hoje realmente traz à luz o papel vital que os professores estão desempenhando no apoio à saúde mental de nossos filhos mais jovens.

Obrigada a todos pela sua dedicação a esta importante causa, quer seja trabalhando em escolas, universidades, instituições de caridade ou em outros locais.

Nos últimos oito anos trabalhando com instituições de caridade, conheci alguns de nossos principais especialistas em saúde mental, dependência química, desamparo familiar, falta de moradia e educação.

Eles me ensinaram repetidas vezes que a causa raiz de muitos dos problemas sociais de hoje pode ser rastreada desde os primeiros anos da vida de uma pessoa e, muitas vezes, ao longo de gerações.

As evidências científicas e outras são claras: os primeiros anos da vida de uma criança são mais importantes para o desenvolvimento e para a saúde e felicidade do futuro do que qualquer outro momento único em nossa vida.

Também está claro que o desenvolvimento positivo de nossos filhos está diretamente ligado àqueles que cuidam deles, professores, cuidadores e pais.

E como ouvimos hoje, é vital, portanto, que apoiemos os professores com seu próprio bem-estar, para que possam encontrar o melhor nível de atenção para todas as crianças, em suas escolas e comunidades em que trabalham.

Nenhum de nós, no entanto, pode fazer a diferença sozinho.

Eu me sinto tão apaixonada em trabalhar junto e estar aqui hoje me afirmou o quanto já está sendo feito, então agradeço a todos vocês que estão priorizando a importância da saúde mental e a importância do desenvolvimento infantil como um todo. Estou ansiosa para ouvir como suas discussões levarão a medidas proativas e a um compromisso cada vez mais retumbante com escolas, professores e crianças mentalmente saudáveis.

Obrigada.

Sua Alteza Real ouviu várias sessões, incluindo uma sobre os benefícios da integração de módulos de saúde mental em cursos de treinamento de professores, e outra sobre o papel dos líderes escolares na criação de uma cultura de bem-estar nas escolas.

Em um dado momento, Kate fez uma revelação: “Quando comecei – e aprendi muito em um curto período de tempo trabalhando com organizações -, eu era muito ingênua como mãe, de quão importante, em especial, os primeiros anos são para o futuro das crianças. E o quão crítico é, todos cuidando das crianças em um momento crítico, professores, pais e todos que estão cuidando deles, como é importante que acertemos.”

Durante sua visita, a Duquesa de Cambridge reuniu-se com professores-chefes de várias escolas que atualmente estão testando o programa Mentally Healthy Schools (Escolas Mentalmente Saudáveis) da The Royal Foundation.

Lançado pela Duquesa de Cambridge em 2018, Mentally Healthy Schools é um site que dá às escolas primárias acesso gratuito a centenas de recursos de saúde mental da mais alta qualidade, ajudando os professores a apoiar melhor a saúde mental de seus alunos.

Este é um dos programas originados da campanha Heads Together e está sendo entregue em parceria com The Anna Freud National Centre for Children and Families, Place2Be e Young Minds.

Este evento faz parte do trabalho contínuo da Duquesa na The Royal Foundation, onde grande parte do seu foco é apoiar e promover a saúde mental de crianças e jovens.

Veja +500 fotos em HQ do evento:


Fontes: Daily Mail e The Telegraph

Publicado por: Carolina Moreira
11 fev 2019

A Duquesa de Cambridge roubou o show vestida em Alexander McQueen na noite passada, quando se juntou a uma série de estrelas na premiação do BAFTA pelo terceiro ano consecutivo.

Kate ficou cara a cara com a realeza das telas enquanto conversava com Olivia Colman, que ganhou o prêmio de Melhor Atriz por sua interpretação como a Rainha Anne em The Favourite e a co-estrela Rachel Weisz, que recebeu Melhor Atriz Coadjuvante.

Ao lado do Príncipe William, que é presidente do BAFTA, Kate usou seu belo vestido Alexander McQueen, a grife responsável por seu vestido de noiva em 2011,  com um par de saltos cintilantes Jimmy Choo. Kate usava brincos de pérola que pertenceram à falecida Princesa Diana e a pulseira Quatrefoil da Rainha Elizabeth, que uma vez pertenceu à Rainha-mãe.

Segurando uma pequena bolsinha branca, a Duquesa usava uma maquiagem glamourosa com batom rosa e olho esfumaçado enquanto passou em frente às câmeras na 72ª edição anual da EE British Academy Film Awards no Royal Albert Hall, em Londres.

Depois de passarem pelo tapete vermelho, William e Catherine se dirigiram para dentro para chegarem aos seus assentos na frente e no centro do Royal Albert Hall para aproveitar a cerimônia.

O Palácio de Kensington compartilhou um vídeo do momento em que o casal real entrou na auditório. Mas alguns fãs notaram um momento bastante embaraçoso quando o casal descia as escadas.

Quando Kate e William entraram, houve um silêncio bizarro – provavelmente estranho de ouvir em um local deste tamanho!

Todo o auditório ficou em silêncio para dar as boas-vindas ao Duque e à Duquesa, e até mesmo Catherine, notando o quão quieta a sala estava, comentou para um membro da platéia: “Está tão quieto!”. William então brincou: “Vamos sentar rapidamente”.

No entanto, um silêncio comunal quando um membro da Família Real entra em uma sala é geralmente visto como um sinal de respeito do público em espera.

A multidão do BAFTA fez exatamente a mesma coisa no ano passado, quando o Duque e a Duquesa de Cambridge entraram no auditório.

Veja o vídeo do momento abaixo:

Mais tarde naquela noite, o Duque de Cambridge fez um discurso em seu papel de presidente e concedeu o prestigioso prêmio Fellowship à editora de cinema Thelma Schoonmaker, que editou quase todos os filmes de Martin Scorsese.

Quando as festividades acabaram, o Duque e a Duquesa de Cambridge subiram ao palco para se encontrar com algumas das maiores estrelas do ano – incluindo Olivia Colman, que em breve estará interpretando a avó de William, a Rainha Elizabeth II, na terceira temporada de The Crown.

Catherine também falou com Rachel Weisz, parabenizando-a pela vitória de Melhor Atriz Coadjuvante em The Favourite – estrelando ao lado de Olivia Colman.

Veja +400 fotos em HQ do evento:

 

Fontes: Daily Mail e Woman&Home

Publicado por: Carolina Moreira